A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes | Prequel de Jogos Vorazes

A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes | Histórias que conhecemos na trilogia Jogos Vorazes sob um novo ponto de vista

Uma história sobre jogos, poder, prestígio e… amor!

Neste prequel conhecemos um lado mais humano do jovem Coriolanus Snow que se importava com a família, com os amigos e que foi até capaz de amar perdidamente Lucy Gray, quando foi seu mentor nos Jogos Vorazes. Mas o poder e o prestígio sempre foram muito mais importantes para ele.

A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes | Prequel de Jogos Vorazes

Coriolanus Snow de um jeito que você nunca viu em A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes

Talvez vocês fiquem chocados ao descobrirem que o imponente Presidente Snow, enquanto jovem, foi pobre. Órfão, morava com a avó e uma prima, Tigris, numa cobertura da família que eles mal conseguiam manter. Entretanto, ninguém sabia disso.

A história começa na época da 10ª edição dos Jogos Vorazes, quando Snow tinha apenas 18 anos e foi designado para ser mentor de um dos tributos do Distrito 12: Lucy Gray Baird. O que para ele começou como uma vergonha (afinal, um Snow mentorando um tributo do Distrito 12???), logo se transformou numa grata surpresa.

O livro divide a saga de Coriolanus em três partes: “O Mentor”; “O Prêmio”; e “O Pacificador”, nos mostrando o ponto de vista dele ao tentar conciliar os Jogos, a reta final da escola, as necessidades de sua família e algo inegavelmente inesperado: o amor que nasceu entre ele e seu tributo.

A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes | Prequel de Jogos Vorazes

Que os Jogos Vorazes comecem!

Incentivado pela Dra. Gaul, então idealizadora dos Jogos, Snow sugere que a partir desta edição hajam patrocinadores, pessoas que possam fazer apostas e enviar dádivas aos tributos escolhidos. Dessa forma, a competição ganha um novo formato, permitindo mudanças a qualquer momento.

Inesperadamente, Lucy Gray se torna a tributo com mais dádivas a receber, pois conseguiu encantar a todos com seu canto desde o princípio. Enquanto isso, Snow se desdobra entre tentar arrecadar mais dádivas para ela e formar alianças que podem ser importantes.

Importante destacar um dos alunos da Academia que se aproxima de Coriolanus e ganha visibilidade ao longo de toda a trama: Sejanus, cujos pais são ricos, o que desperta a inveja do protagonista, mas não impede que eles acabem ficando amigos. Esse laço vai acompanhar Snow até depois da história contada neste prequel, de várias formas.

“Snow cai como neve, sempre por cima de tudo”

Certamente essa é a frase mais dita no livro, para que Coriolanus sempre se lembrasse da importância de ser um Snow. Ademais, para ele, as coisas mais importantes da vida eram ocupar uma posição de prestígio na sociedade e ter poder.

“Ele amou a sensação desconhecida de segurança que a derrota deles gerou. A segurança que só podia vir com o poder. A capacidade de controlar as coisas. Sim, isso era o que ele mais amava.”

Dessa forma, um conflito enorme começa a surgir para ele quando se vê dividido entre ir atrás de uma vida de prestígio na Capital e, assim, preservar o sobrenome de sua família, ou ir atrás de seu novo amor, Lucy Gray. Os desdobramentos disso levam a um final surpreendente, acreditem!

A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes | Prequel de Jogos Vorazes
(Distribuição: Pipocas club)

Algumas curiosidades e a importância de Lucy Gray

Várias referências foram feitas a lugares e pessoas que já conhecemos na trilogia, como o Prego, a Costura e katniss (a flor, que também é conhecida como “ponta de flecha”). No entanto, certamente a referência mais marcante vem acompanhada de uma revelação: a relação de parentesco entre Snow e Tigris.

Para quem não lembra, Tigris é aquela mulher com aparência felina que esconde Katniss e seu grupo quando eles invadem a capital. Naquele momento, é revelado que Tigris foi destituída do posto de estilista nos Jogos Vorazes pelo Presidente Snow. Agora entendemos que o que ela guarda é mágoa, pois eles eram como irmãos e ela muitas vezes o sustentou.

A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes | Prequel de Jogos Vorazes

Além disso, outra referência bem marcante é a feita à música da árvore-forca, que Katniss canta em um momento importante e lidera um dos ataques dos rebeldes. Nesse prequel descobrimos que a música foi composta por ninguém menos que Lucy Gray! Veja abaixo vídeo com esse trecho citado:

Aquela nostalgia

Se você é fã da saga Jogos Vorazes e estava sentindo falta de ter aquele gostinho que sentiu ao ler a trilogia, não pode deixar de conferir as 576 páginas de A Cantiga dos Pássaros e das Serpentes, publicado pela Editora Rocco. O livro mantém a mesma pegada e não deixa a desejar!

E fica o amor pelo jovem Snow (até certo ponto), por Lucy Gray, pelo Bando e por esse prequel.

Por favor, não deixe de nos dizer o que achou do livro, se você já leu, ou se pretende ler! Até a próxima 😉

Veja também: Jogos Vorazes | Novo filme prelúdio a caminho

More Stories
Gran Turismo eSports | Automobilismo gamer chega aos Jogos Olímpicos