Quem matou Sara? Personagem pode estar viva na série da Netflix

Quem Matou Sara? Personagem pode estar viva na série da Netflix

Se tem uma pergunta que não sai da cabeça dos fãs da Netflix é: Quem Matou Sara? A série, certamente, está dando o que falar e aguçando a curiosidade do público. Afinal, desde a estreia não saiu do top 10 da plataforma de streaming. Então, o Kolmeia não poderia ficar de fora e ativou o modo investigação.

Sem corpo, sem morto

Com certeza, parece contraditório a série se chamar “Quem Matou Sara?” e Sara estar viva. Entretanto, o título é apenas o questionamento feito por Álex, partindo das informações que ele possui. Mas o público não está limitado somente às pistas dele e pode teorizar o quanto quiser. Então, vamos às análises:

Indícios apontam para a possibilidade da personagem estar viva, após uma fracassada tentativa de suicídio em "Quem Matou Sara?", da Netflix. Confira!

Se tem uma regra que se aplica a todos os filmes e séries de suspense é: se o corpo não foi mostrado, não se pode afirmar a morte do personagem. O que se vê em “Quem Matou Sara?” é a jovem em estado grave sendo levada a um hospital e depois Álex sendo informado da (suposta) morte da irmã. O túmulo também aparece várias vezes, mas lápide também não quer dizer muita coisa.

O que se sabe sobre Sara é que ela era ambiciosa, inteligente e articuladora. A todo momento observava tudo na família Lazcano e a cada nova descoberta, uma nova moeda de troca. Depois de ameaçar Chema, trair Rodolfo e humilhar Elroy, já não é mais possível subestimar a personagem e acreditar que se trata de uma menina ingênua. Não dá pra pensar que ela viu as fitas de Sérgio apenas por curiosidade juvenil. É mais provável que estivesse procurando novas formas de chantagear.

Partindo do pressuposto de que ela observava atentamente cada passo dos Lazcano, é impossível crer que ela subiria no paraquedas depois de Elroy dizer que Mariana não queria que os filhos se aventurassem. Ainda mais levando em consideração o discurso da matriarca Lazcano incentivando a jovem a experimentar esportes radicais. Sara subiu de forma consciente. E porque ela faria isso?

Tentativa de suicídio ou plano de forjar a própria morte?

Além de não mostrar o corpo de Sara, a série da Netflix também não mostrou uma cena muito importante: as cordas do paraquedas sendo cortadas. O público é levado a deduzir que foi Elroy a mando de Mariana, mas porque a cena mais importante de Quem Matou Sara não apareceria? Pode ser que a própria tenha feito a sabotagem. E porque?

A primeira linha a se seguir tem a ver com o diário secreto encontrado por Álex. Nele a jovem expõe seus pensamentos suicidas e seu desejo de morrer. Seria uma forma bem cinematográfica de tirar a própria vida. Além do mais, Sara descreve perturbações psiquiátricas e questiona a própria sanidade mental.

Mas também pode se tratar de uma tentativa bem arriscada de forjar a própria morte, já que ela não tinha medo de se machucar. Ela não teria nada a perder dando certo ou dando errado. Inclusive, pode ser que o próprio César Lazcano esteja envolvido nisso. Afinal, seria interessante para ele ter uma aliada capaz de qualquer coisa.

Indícios apontam para a possibilidade da personagem estar viva, após uma fracassada tentativa de suicídio em "Quem Matou Sara?", da Netflix. Confira!

O que esperar da segunda temporada de Quem Matou Sara?

O diário de Sara é um peça muito importante, pois mostra pela primeira vez o Doutor que cuidava dela. Ele, certamente, ajudará a esclarecer muitas coisas sobre o passado, assim como Marifer. Além disso, novos questionamentos importantes surgem a partir do diário, como Quem era a pessoa enterrada no quintal de Álex e como se encaixa na trama?

Agora, a série não somente questiona Quem Matou Sara? Surgem novas questões como: Sara realmente está morta? Quem realmente era ela? E a família Lazcano também segue suas tramas individuais. A crise se agrava no casamento de Lorenzo e Chema, que aparece beijando Clara. E os crimes de Sérgio e César seguem sem a devida punição.

Vale lembrar que as dúvidas não persistirão por muito tempo, já que a segunda temporada da série estreia dia 19 de maio na Netflix. Até lá, é bom lembrar de duas frases. Primeiramente, a de Elisa Lazcano: “Sara é mais perigosa do que parecia”. Em contrapartida, a frase de Agatha Christie que abre a série e que depois aparece no diário de Sara diz: “Poucos de nós são o que parecem ser”. Que venham os plot twists!

Gosta de séries? Então confira: Finalmente! Netflix lança o primeiro trailer de O Legado de Júpiter

More Stories
CCXP Worlds é palco de anúncios da indústria do entretenimento!
CCXP Worlds é palco de anúncios da indústria do entretenimento!